• Dez
    • 27
    • 2012

Vem aí a Troika! Tudo sobre o jogo de tabuleiro inventado por quatro portugueses

i-Online
Dezembro 27, 2012
<br/ >

Dois professores do Instituto Superior Técnico, um aluno e um engenheiro resolveram criar um jogo de cartas em que o objectivo é reunir o máximo de dinheiro até chegar a troika. Seguem-se adaptações para a Grécia, a Espanha e a Itália.
Apesar de todas as possibilidades que o universo em causa oferece, Pedro Santos e Carlos Mesquita estavam cheios de certezas: o desejo era fazer um novo jogo de tabuleiro que espelhasse o período conturbado que antecedeu a chegada da troika, dos malabarismos de José Sócrates aos submarinos de Paulo Portas. “Somos todos game geeks, pelo menos uma vez por semana é normal encontrar-me com o Pedro para jogar”, diz, aos 48 anos, o engenheiro de Gestão Carlos Mesquita. Pedro Santos, com 44 anos, além de passar o tempo livre a dar cartas e a lançar dados, é professor no Instituto Superior Técnico (IST) e especialista em desenvolvimento de jogos. “Tudo começou numa perspectiva de fazer uma coisa divertida e acabou por se tornar mais séria”, indica Pedro. No IST estabeleceram base e encontraram em André Pereira, estudante de doutoramento, e Marco Vala, professor do departamento de Informática, novos aliados para um dos maiores sucessos deste Natal. Num ano e meio criaram a empresa Tabletip Games e um primeiro jogo de cartas, o mordaz e estratégico “Vem aí a troika!” As cartas podem parecer inicialmente complexas e os objectivos dos criadores dúbios, por isso siga-nos neste guia para um jogo de contas nem sempre certas.